Ipetshop
Take a fresh look at your lifestyle.

Como saber quando é preciso tirar raio-x do seu pet

0
Raio-x no seu Pet

Você sabe quando pet precisa de raio-x? Se não, é hora de aprender. Isso especialmente se você for dono de um dos 139,3 milhões de animais de estimação que existem no Brasil atualmente, incluindo os mais tradicionais, como gatos, cachorros e papagaios, até os mais exóticos como cobras e outros répteis. Afinal, é muito comum que o animal se machuque e precise de auxílio veterinário.

Se antigamente o tipo de equipamento disponível para tratar pets era reduzido, hoje em dia a quantidade é muito maior. Empresas como a ICRX produzem atualmente equipamentos de raio-x que podem ser usados tanto para humanos, quanto para animais. Esse tipo de equipamento ajuda a identificar lesões e outros problemas que podem ser facilmente tratados, devolvendo a diversão e disposição do seu bichinho.

Quer saber quando pet precisa de raio-x? Então siga a leitura do artigo abaixo!

O que é exame de raio-x em animais?

Assim como nos seres humanos, o exame de raio-x, ou radiografia, foi criado para ver o interior do corpo do animal. A máquina de raio-x funciona como uma grande “câmera fotográfica” que pode ter o tamanho do animal inteiro ou fotografar partes específicas. Essa máquina emite luzes muito fortes, invisíveis ao olho nu, que atravessa o corpo, mas que não consegue atravessar os ossos.

Dessa forma, tudo que não é osso fica escuro (como fraturas) e os ossos inteiros ficam claros na revelação. Órgãos que se sobrepõem podem ter tonalidades de diferentes graus, e caso haja algo de errado com eles, se tiverem massa, aparecerão claros e se estiverem machucados, aparecerão escuros. Apesar do raio-x ser um tipo de radiação, o exame é indolor e não traz danos à saúde de seu pet.

Quando o pet precisa de raio-x?

O exame de raio-x sempre precisará de pedido veterinário, e para que isso aconteça, é necessário estar atento ao seu bichinho para verificar se ele precisa de ajuda. Caso ele esteja com hábitos anormais, como andar mancando, ficar isolado, agressivo ao toque, chorar ou parar de comer ou beber água, é sinal de levar ao médico veterinário. O profissional irá fazer um exame clínico no animal para determinar se é necessário fazer a radiografia.

O exame de raio-x será pedido nos casos com suspeita de:

  • ossos quebrados, lesões na musculatura ou cartilagem;
  • tumores ou outras massas em órgãos e ossos;
  • ingestão de objetos estranhos.

Em caso de atropelamento, é necessário levar o pet imediatamente para a emergência onde também será requisitado um raio-x. O exame pode também ser pedido pelo veterinário em preparo para cirurgias e no pós operatório, para acompanhamento médico.

Quais as vantagens do raio-x?

O raio-x é o primeiro exame a ser pedido após o exame clínico. Isso porque ele é bem detalhado para exibir fraturas e massas, não é invasivo, e é indolor, evitando estresse para seu animalzinho. Por ter rápido resultado (geralmente em 24 horas já sai o laudo), ele está no front das emergências e é o responsável por impedir o desenvolvimento de tumores e permitir a agilidade dos médicos veterinários no tratamento de machucados potencialmente perigosos.

Agora que você já sabe quando pet precisa de raio-x, já pode cuidar melhor do seu animalzinho de estimação. Lembre-se de ficar atento aos detalhes e sinais que mencionamos, de modo a conseguir tratar melhor o seu pet e garantir um período de vida maior para ele. O exame pode ajudar a resolver problemas que podem se complicar com o tempo e é um tratamento muito útil para o seu pet.

E aí, gostou do conteúdo? Então compartilhe-o nas redes sociais para que mais pessoas conheçam esse exame!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.